Ouvi-te

Tenho um aperto no peito que não passa. No silêncio que me rodeava, ouvi o meu nome, claro, mas ninguém o pronunciou, ouvi chamarem-me e ninguém estava, ainda assim ouvi, sei que ouvi... Seria o teu pensamento a fugir para mim?

Sem comentários:

Enviar um comentário