14/2

14 de Fevereiro, ou como é mais conhecido, Dia dos Namorados. Nunca dei especial atenção ao dia, até porque sempre estive solteira nesta data e, para ser sincera, nunca fez grande diferença, nunca lamentei o facto de estar solteira, porquê fazê-lo se sempre se tratou de uma escolha?
A minha relação com o amor é complexa, talvez muitos de vós não compreendam as minhas decisões, as minhas escolhas, a minha forma de pensar. Sou apaixonada pelo amor, pela sensação de amar alguém, sei que quando amo alguém me dedico de corpo e alma a essa pessoa, sei que sou exagerada, sei que entrego o meu coração depressa demais, ainda que muitas vezes nem me aperceba de que o faço, sei que tento reprimir o que sinto, sei que essa tentativa de esconder não me permite por vezes mostrar o meu lado mais carinhoso, mais sensível, aquele lado que ninguém, absolutamente ninguém, conhece. É difícil apaixonar-me, ou melhor, difícil encontrar alguém que me cative de tal forma que me permita apaixonar, no entanto, ainda que pareça contraditório, quando alguém assim aparece, instantaneamente sei e acabo por me apaixonar, por ter certezas depressa demais, o que não significa que arrisque, é preciso tanto para arriscar...
Do que preciso no amor? De alguém que me dê segurança, que me permita amá-lo da única forma que sei e essa forma é entregar-me, sentir-me à vontade para mostrar o que sinto, é sentir os problemas do outro como meus, é preocupar-me por coisas parvas, é saber que essa pessoa é minha e ainda assim todos os dias ter medo de a perder, é ter liberdade para surpreender, para conquistar, é poder imaginá-lo ao meu lado pelo resto da minha vida. Um dia ele aparece, não agora, não quero, não consigo...

Sobre o dia dos namorados, sempre passou despercebido, este ano dói um bocadinho, este ano tudo me dói, coisas da vida, logo passa... A todos os que têm alguém com quem partilhar a vida, celebrem este dia mas não se esqueçam de celebrar os restantes, o amor deve ser celebrado 365 (ou 366) dias por ano, todos os dias devem ser memoráveis.

1 comentário:

  1. Mesmo tendo namorado não ligo muito a este dia. Prefiro celebrar todos os outros dias do ano :)

    ResponderEliminar